• Ribeirão Preto

    Horários de funcionamento:

    Segunda a Sexta: 06:30 as 13:00 (coleta)

    Sabado 06:30 as 09:00 (coleta)

  •  Ribeirão Preto: (16) 3610-4055

  •  Orlândia: (16) 3826-1369

  •  Morro Agudo: (16) 3851-6661

  •  Sales Oliveira: (16) 3852-2411

  •  recepcaosaomarcos@gmail.com atendimentosaomarcosor@gmail.com

Colesterol: entenda as diferenças entre o bom e o ruim

  • Home
  • Notícias
  • Colesterol: entenda as diferenças entre o bom e o ruim

O colesterol é um tipo de gordura que está presente no organismo de qualquer indivíduo, e seu nível desempenha um papel fundamental no modo de como cada célula funciona. À medida em que o seu nível de colesterol aumenta, aumenta também o risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Como se trata de uma substância gordurosa, o colesterol não se dissolve no sangue, da mesma forma que o óleo não se dissolve na água. Portanto, é preciso que um “transportador” leve essa substância através da corrente sanguínea para que ela alcance os tecidos periféricos e cabe às lipoproteínas, que são produzidas no fígado, essa função.

Os principais tipos de lipoproteínas são:

  • VLDL (Very low-density lipoprotein): transporta triglicerídeos e um pouco de colesterol.
  • LDL (Low-density lipoprotein): transporta colesterol e um pouco de triglicerídeos do sangue para os tecidos.
  • HDL ( High-density lipoprotein): é um transportador diferente, ele faz o caminho inverso, tira colesterol dos tecidos e devolve para o fígado que vai excretá-lo nos intestinos.

Enquanto o LDL e o VLDL levam colesterol para as células e facilitam a deposição de gordura nos vasos, o HDL faz o inverso, promove a retirada do excesso de colesterol, inclusive das placas arteriais. Por isso, denomina-se o HDL como colesterol bom e o VLDL e o LDL como colesterol ruim.

O colesterol derivado de gorduras saturadas e gordura trans favorecem a produção de LDL (colesterol ruim), enquanto o consumo de gorduras insaturadas, encontrada no azeite, peixes e amêndoas, por exemplo, promovem a produção do HDL (colesterol bom).

Níveis muito alto de VLDL ou LDL podem provocar a obstrução das artérias e, uma vez entupida, o fluxo de sangue se interrompe, aumentando o risco de ataque cardíaco ou AVC. Alguns alimentos auxiliam com a limpeza das artérias e veias e ajudam a prevenir muitas doenças.

 

 

Fonte: Diagnósticos do Brasil